domingo, 6 de abril de 2008

Vila João Lopes

Lugar de sonhos adormecidos, anestesiados pelas mazelas do descaso político-social, vítimas da calamidade pública, da rejeição dos ditadores, do poder paralélo ou central...Esperando uma chance para respirar no caos da pobreza e da marginalidade. Alí, cultivamos esperança, lançamos desafios, enfrentamos as dificuldades para arrancar sorrisos dos desdentados, contando com a bravura de "voluntários" do anonimato. Uma comunidade com cheiro de morte, que respira vida, que mesmo ferida não abre mão de encotrar um caminho, um único caminho que os conduza para a libertação do esquecimento generalizado. Visite a Vila João Lopes, quem sabe lá você não consegue se enchergar.
Alex Possati

Um comentário:

Anônimo disse...

BEM A OBRA AQUI ESTÁ ANDANDO ESPERO QUE SEJA COMPLETA!CHEGA DE PROMESSAS NAUM CUMPRIDAS!