domingo, 6 de abril de 2008

Sonhos Dormidos - Cinelândia
















"Noite de Natal na Cinelândia - RJ"


No chão dorme o sonho envelhecido de velhos e moços
Querendo no tempo e no espaço dividir o trapo de imundícia
Aguardando o socorro que nunca chega
É o descaso frio e cruel dos que ditam as regras no poder
São vidas esmagadas pelo precioso tempo dos pedestres apressados
Que não podem perder tempo com coisas inúteis do abandono
Valores invertidos no sistema retrógrado que criaram para si
Enquanto isso vão cada vez mais se tornando vítimas...
Da fome, do frio, da sede, da opressão, da omissão ...
Desconectados da vida pública
Loucos varridos da velha e agitada noite de um dia singular
Acordar para sobreviver nem sempre é um bom negócio
Portanto resta respirar um ar da esperança
Velho , moço ou criança em busca de um lugar qualquer
Onde possam passar o restinho da vida que sobrou
Transformados em decoração de praças e ruas
Que em algum momento foi chamado de humano ...
Nesse desumano conceito de organização
Que chamamos de sociedade.

Alex Possati ( Reflexão )

Um comentário:

Huma-Nús disse...

Mano Alex!
ja estava na hora de você compartilhar estes textos maravilhosos que refletem a realidade em que vivemos.
Estes textos são muito mais do que palvras, são palavras vivas que realatam o nosso cotidiano, Um grande abraço e que Deus continue dando-lhe inspiração para expressar a vida atraves dos textos. Abraços