quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Ação e Reação

Agregada a uma lei física, divina ou espiritual: a toda ação corresponde uma reação...

Mesmo sem esperar por recompensa divina ou recompensa do próprio semelhante, uma boa ação estimula certo dispositivo psíquico e causa naquele que a pratica uma sensação de bem-estar, satisfação... alguma coisa nessa linha.

Essa recompensa imediata, sensível e agradável é percebida por aqueles que fazem o bem.

Talvez por razões diversas, ou inversas, o mal que faço aos outros, faço-o a mim mesmo.

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

E Tudo Mudou ...


Hoje acordei com uma vontade de ler Veríssimo, passei por textos ja lidos que renovaram a minhas viagens, e alimentou meu desejo. Porém havia um alí que não tinha percebido, justamente esse que compartilho convosco nessa hora, texto esse que sofrerá constantes alterações conforme o passar do tempo, mas se você está vivo hoje, perceberá que as coisas acontecem e a gente mal percebe ... ! Obrigado Veríssimo. A todos uma boa leitura reflexiva. Segue:

O rouge virou blush
O pó-de-arroz virou pó-compacto
O brilho virou gloss

O rímel virou máscara incolor
A Lycra virou stretch
Anabela virou plataforma
O corpete virou porta-seios
Que virou sutiã
Que virou lib
Que virou silicone

A peruca virou aplique, interlace, megahair, alongamento
A escova virou chapinha
"Problemas de moça" viraram TPM
Confete virou MM

A crise de nervos virou estresse
A chita virou viscose.
A purpurina virou gliter
A brilhantina virou mousse

Os halteres viraram bomba
A ergométrica virou spinning
A tanga virou fio dental
E o fio dental virou anti-séptico bucal

Ninguém mais vê...

Ping-Pong virou Babaloo
O a-la-carte virou self-service

A tristeza, depressão
O espaguete virou Miojo pronto
A paquera virou pegação
A gafieira virou dança de salão

O que era praça virou shopping
A areia virou ringue
A caneta virou teclado
O long play virou CD

A fita de vídeo é DVD
O CD já é MP3
É um filho onde éramos seis
O álbum de fotos agora é mostrado por email

O namoro agora é virtual
A cantada virou torpedo
E do "não" não se tem medo
O break virou street

O samba, pagode
O carnaval de rua virou Sapucaí
O folclore brasileiro, halloween
O piano agora é teclado, também

O forró de sanfona ficou eletrônico
Fortificante não é mais Biotônico
Bicicleta virou Bis
Polícia e ladrão virou counter strike

Folhetins são novelas de TV
Fauna e flora a desaparecer
Lobato virou Paulo Coelho
Caetano virou um chato

Chico sumiu da FM e TV
Baby se converteu
RPM desapareceu
Elis ressuscitou em Maria Rita?
Gal virou fênix
Raul e Renato,
Cássia e Cazuza,
Lennon e Elvis,
Todos anjos
Agora só tocam lira...

A AIDS virou gripe
A bala antes encontrada agora é perdida
A violência está coisa maldita!

A maconha é calmante
O professor é agora o facilitador
As lições já não importam mais
A guerra superou a paz
E a sociedade ficou incapaz...

... De tudo.

Inclusive de notar essas diferença

Fernando Veríssimo

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Perguntas e Respostas, Pra Quê?


Nada como um bom papo, uma boa conversa, e filosofar tambem não faz mal a ninguém ... esses dias uma frase me fez pensar tanto que acabei tendo que postar aqui, espero que como eu, você tambem posso desfrutar de pensamentos simples como esse, que no ápice da reflexão, faz toda diferença, as perguntas virão e as respostas podem mudar o tempo todo, isso pra mim é viver ... Valeu Rafa pela particiapação rsrsr !


"Quando agente acha que sabe todas as respostas a vida muda todas as perguntas..."
(Veríssimo)


Ficou igual comercial da Oi, simples assim ... rs

boa viagem!