segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Meia Vida Inteira


Dentre tantas coisas que se pode dizer, apenas fico com a gratidão de até aqui ter vivido intensamente (com moderação rs) três décadas e meia. Não realizei todos os sonhos e nem sei se realizarei, mas não posso reclamar de nada. O que fica valendo é a memória de tudo que presenciei e vivi até essa "metade" da vida, no mais tudo será sempre correr atrás do vento, como diria o pensador... Sim, hoje eu acordo com a certeza de que Deus é bom, que vai valer a pena e que ainda há muito que caminhar, é desse jeito que sigo em frente e prossigo na direção das incertezas com a mesma certeza de antes, viver é bom! Obrigado Deus!

3 comentários:

Helena de Campos disse...

Comer tatu é bom... mas viver é ainda melhor... e tb dá dor nas costas, nas pernas, na cabeça... na alma, mas é uma delícia ainda assim!!! Parabéns, meu querido! Continue vivendo intensamente, pois tua intensidade tem contagiado e provocado muitas reações positivas (as negativas não precisam ser comentadas hj... rs).
Delícias de Deus pra tua vida!!!!!!!!!

Patrícia disse...

Oi Possati. É a Patrícia Mecking, vizinha da Ibb... nossa o culto do circuito jovem está me fazendo muito bem. Sou vizinha e estou cercada por todos os lados! Eta Glória! rs Bjs

natyscastro disse...

"prossigo na direção das incertezas com a mesma certeza de antes"

bem apropriado.. viver é mesmo assim. Mas nossas certezas define a maneira como agimos e nos conduz ao nosso futuro q se for bem trabalhado no presente não será tao incerto assim rss

gostei da colocação.